quinta-feira, 14 de julho de 2011

De volta a Porto Alegre

   
    Saindo de Buenos Aires, voltei para Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, estado mais ao sul do Brasil, cidade com aproximadamente um milhão e trezentos mil habitantes, e onde nasci.
   Estranha ligação que qualquer pessoa tem com o local em que nasceu, mesmo que não more mais lá, que é meu caso, mas ficamos com um fio de Ariadne, invisível que nos orienta.

Hospital Moinhos de Vento, onde nasci.
Igreja católica Nsa. Sra. Auxiliadora,
participei do grupo de jovens daqui,
discussões importantes para a formação social e política.
Parque Moinhos de Vento,
conhecido como Parcão.
Rua Gonçalo de Carvalho.
Porto Alegre é uma das
cidades mais arborizadas do país.

Sede antiga dos Correios.
Museu de Artes do Rio Grande do Sul.
Catedral Metropolitana de Porto Alegre.

Avenida Júlio de Castilhos. À direita, Mercado Público;
à esquerda, Palácio do Comércio.
   Porto Alegre reflete a alma gaúcha com perfeição. Nos antepassados, a revolução de 1923: Chimangos ou Maragatos. Na política: esquerda ou direita. No futebol: Grêmio ou Inter.

Teatro São Pedro.




Palácio do Governo do estado do Rio Grande do Sul.
Estádio do Sport Club Internacional.

Usina do Gasômetro.
Hoje, local de exposições, oficinas artísticas e montagens teatrais
.
Cais do Porto.
Estádio do Grêmio Foot-Ball Portoalegrense. (!!!)
   Quem nasceu por aqui, sabe muito bem o que quer e o que não quer, apareceu nesse mundo numa cidade que é preta ou branca, com poucos meios tons que sempre têm contraste definido. Talvez por isso fale, teorize, argumente até chegar ao ponto final, que sempre parece distante. Grande esporte praticado por portoalegrenses, a troca de ideias, que até pode se transformar em verdadeira peleia.
   Porto Alegre, cidade dos encantos do poeta gaúcho Mário Quintana, nascido no Alegrete, o maior poeta brasileiro de todos os tempos, em minha opinião. Muitos testemunharam suas caminhadas pela rua dos Andradas, conhecida como Rua da Praia, fechada aos automóveis, onde as pessoas podem circular livremente. Dizem que ele parava e observava os prédios, ou olhava para o chão concentrado. O certo era não interromper o poeta. E assim foram fecundados muitos de seus poemas.

Antigo Hotel Majestic,
onde residia Quintana...

   


...hoje, Casa de Cultura Mário Quintana.
   Porto Alegre, um dos antigos nomes: Porto dos Casais. Homenagem à chegada de casais açorianos em meados do século XVIII. Nestas terras que tem um lago que chamam rio, uma alma disso ou daquilo, e talvez o por do sol mais lindo do mundo. Será? Para quem nasceu aqui, sim!


   Quando o sol briga para pousar no rio Guaíba, este cede depois de muito diálogo para formar um dos maiores espetáculos da natureza. Nesse momento, se o Porto não era Alegre, ele se transforma, se reinventa, na cidade de Porto Alegre.



O Mapa
Mário Quintana*

Olho o mapa da cidade
Como quem examinasse
A anatomia de um corpo...
(É nem que fosse meu corpo!)
Sinto uma dor esquisita
Das ruas de Porto Alegre
Onde jamais passarei...
Há tanta esquina esquisita
Tanta nuança de paredes
Há tanta moça bonita
Nas ruas que não andei
(E há uma rua encantada
Que nem em sonhos sonhei...)
Quando eu for, um dia desses,
Poeira ou folha levada
No vento da madrugada,
Serei um pouco do nada
Invisível, delicioso
Que faz com que o teu ar
Pareça mais um olhar
Suave mistério amoroso
Cidade de meu andar
(Deste já tão longo andar!)
E talvez de meu repouso...

* Nascido em Alegrete no dia 30 de julho de 1906.
Saiu de Porto Alegre em 5 de maio de 1994, para a festa do Céu.

Dedico ao poeta maior, Mário Quintana.

48 comentários:

  1. Bem vinda de volta!
    POA é graciosa, assim como seus habitantes.
    E você nos presenteia com muitas belas fotos ilustrativas, texto explicativo e ainda poesia.
    Muito bom!
    Tenho saudade dos meses que "morei" aí!...

    ResponderExcluir
  2. Linda homenagem à Poa que mostrada em fotos parece linda, mas quem mora sofre todos os problemas(aliás não é só ela,é geral)... Um lindo dia, beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Parabens Cissa, muito lindas essa imagens! Seu texto adornando-as também está muito bom! Parabens mesmo!

    Sabe Cissa, esses dias eu estava chateado com o povo gaúcho, porque no campeonato brasileiro de futebol geralmente antes dos jogos os times se perfilam lado a lado e se toca o hino nacional, e em dois jogos que eu ví, (não sei se acontece em todos), o hino que eles tocaram foi o hino do Rio Grande do Sul... Puxa vida! Achei uma babaquice! Afinal nós somos brasileiros, bairrismo até pode acontecer mas sem esquecer da união do nosso país! Puxa desculpe se falei demais, hahahahaha, eu ainda quero visitar o Rio Grande do Sul, em especial a rota do vinho... Hummmmm deve ser bom!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Que passeio MARAVILHOSO!!!Obrigada!!!

    Amei rever lugares que conheço mas faz muito tempo que não vejo,é um lugar lindo!!!

    Lindas Fotos, que Sol Belo!!!

    Beijinhos Iluminados!!!
    Bençãos Plenas!!!

    ResponderExcluir
  5. Poxa, Ana, me fizeste derramar lágrimas.
    Fiquei emocionada, mesmo, com a descrição perfeita de nossa cidade e com as imagens de nossa juventude, como as do Parque Moinhos de Vento e a Auxiliadora e do pôr do sol sempre magnífico e que só quem é daqui sabe o valor que tem para esta porto que nem sempre é alegre, mas que se reinventa a cada dia que o sol toca o Guaíba. Perfeito!

    ResponderExcluir
  6. ANDRÉ
    Tou pra te dizer que o povo aqui aprende primeiro o hino do Rio Grande... depois... beeeeem depois, o nacional... rssssss Tá na alma do gaúcho!

    ResponderExcluir
  7. Bienvenida!

    Adorei suas fotos e seu texto todo explicadinho. Obrigada por partilhar conosco tão gratificante passeio e fatos que conquistaste pela vivência e experiência.
    E ainda nos brinda com Quintana! Pode?? Linda você.
    Beijokas doces.

    ResponderExcluir
  8. Cissa o/
    Eita, mulher você sempre no corre-corre!
    Eu ultimamente não ando tendo tempo nem pra ler e nem pra ver filmes/animes...o fim de

    semana passa rápido demais! Opa ent]ao você conhece um pouco da cena gótica, deve ser por

    isso que nos entendemos e temos gostos em comum por bandas. Você já ouviu Joy Divison?

    Ah achei as fotos de Porto Alegre muito bonitas! Todas foi vc que fotografou?
    bjs e bom fim de semana!
    minha mãe deseja o mesmo!

    http://www.empadinhafrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Ai como sua cidade é linda, minha flor.
    Espero um dia poder conhecer cada cantinho desse que vc citou. É um encanto!

    Beijos, amiga.

    Te espero lá no blog ;)

    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Lindo lindo lindo, um dia eu vou realizar meu sonho de conhecer Porto Alegre

    http://maniasgirls.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Ah Porto Alegre... cidade de lindas mulheres, ricas tradições, vasta cultura.

    Estes dias eu por um acaso estava revendo um documentário sobre um dos mais ilustres gaúchos, na minha modesta opinião: João Belchior Marques Goulart. É bastante comovente o detalhe crucial de que, em meio ao golpe dos militares, do clero e dos conservadores que o derrubou da presidência do Brasil em 1964, o bravo povo gaúcho se dispôs a pegar em armas junto com o III exército e sob a liderança de outro nobre gaúcho: Leonel de Moura Brizola. Goulart sabiamente desaconselhou o banho de sangue que seria essa guerra, mas ficou para a história a bravura e a disposição deste povo maravilhoso.

    Grande beijo Cissa, e viva Porto Alegre!

    ResponderExcluir
  12. Nem preciso dizer q/ sou baiúcha; nasci e adoro a Bahia,mas,tenho dezenas de amigos gaúchos;vivi alguns meses no RGS,n/ apenas em Porto Alegre,mas,percorrendo todo o estado,a trabalho.
    Amo vcs e amei este blog. bjs

    ResponderExcluir
  13. Passei por Porto Alegre apenas uma vez e não deu pra ver muita coisa...
    Acho que para se conhecer de verdade um lugar é necessário viver nele, pois como dizem, você não pode enxergar a floresta por causa das árvores.
    O poema do Quintana me lembrou uma música dos Engenheiros do Hawai, acho que é Anoiteceu em Porto Alegre, feita para homenageá-la.
    O Ochôa leu teus textos no Diário Popular e respondeu lá no site, Ana.
    Eu comentei duas vezes no texto da Fenadoce e nada do comentário aparecer...
    Quando tiver tempo (o que te parece mercadoria cada vez mais rara), passe aqui:
    http://alexandreh.com.br/
    Que não irás te arrepender.
    Nasceste no Hospital Moinhos de Vento, Ana?
    Hmmmmmmmm...
    Eu não lembro onde eu nasci...
    Eu era muito pequeno...
    Abraço.

    http://www.fantasticocenario.com.br

    ResponderExcluir
  14. Cissa, dessa vez eu não estou atrasada,só não comentei no outro porque não havia escutado seu recado, devido a caixinha de som ter se quebrado, mas já está tudo resolvido e escutei!
    E que bacana ouvir a sua voz, o seu sotaque gaúcho é melhor digo eu, rsrs e falando em gaúcho, adorei conhecer Porto Alegre, ainda não a conheço, mas por cause não fui morar aí, pois o trabalho do meu pai certa vez quiseram o levar para aí, mas não precisou! Enfim, tenho uma vontade muito grande de conhecer e saber um pouquinho de sua história e ver os pontos turísticos só aumentou o meu desejo.

    Beijos, e a história continua no blog :)
    http://leticiabarcelos.blogspot.com/2011/07/procura-de-uma-qualidade-parte-ii.html

    ResponderExcluir
  15. Cissa, minha amiga linda!!
    A verdade é que acho bonito as pessoas que têm uma ligação com a cidade onde nasceu. Eu tbm tenho uma muito grande com a minha, nasci aqui mesmo em Lins, interiorrr de Sampa, e ao contrário de muita gente daqui que fala mal da city eu amo isso aqui, amo as pessoas daqui. ;)

    Vou te contar, minha família e eu quando nos mudamos aqui para casa onde eu moro atualmente, tínhamos uma vizinha gaúcha que era tudo de bom, eu adorava conversar com ela, ela tinha uma alegria que derramava em quem passava perto! Já faz um pouco mais de ano que ela se mudou daqui, mas ainda mora nessa cidade e nossas famílias ficaram super amigas, churrasco bom é na casa dela!!! Eu a chamo de gaúcha e ela é loirinha assim que nem vc :) eu sempre volto da casa dela falando gauchês rsrs e eu sou apaixonada por sotaque, acho lindo e fofo!!!


    Bjokitas com master carinho pra tu!

    ResponderExcluir
  16. Grande Mário Quintana! :)

    Porto Alegre é muito linda mesmo!
    A minha cidade natal, é muito parecida com a sua (porém só no nome). Nasci no sul de Minas Gerais, quase divisa com São Paulo, em uma cidade chamada Pouso Alegre, e lá morei até os 9 anos de idade.

    Realmente, a ligação que a gente tem com a cidade natal é muito grande.

    Beijos pra você, e tenha um lindo e feliz final de semana, junto à sua garotinha.

    Cid@

    ResponderExcluir
  17. Cissa
    Que gostoso esse passeio lindo que você me proporcionou. Fui há uns 15 anos nessa sua cidade linda e aconhegante e nunca mais me esqueci dela. Um dia, espero que em breve, eu volte, num inverno bem rigoroso para tomar aqueles deliciosos chocolates quentes.
    Bjkas com muito carinho!

    ResponderExcluir
  18. éééé só quem é gaúcho sabe o que é nascer no RS. Muito massa esse apanhado que tu deu da cidade de porto alegre. Fantástico. No meu site vou reservar um álbum da cidade, só tenho que sair para bater as fotos.

    Esse Mario Quintana sabe muito hahaha, baita poema! :D

    Beijaoo

    ResponderExcluir
  19. Mário Quintana, adoro lê-lo.
    Obrigada pela partilha de fotos deste lugar lindíssimo.
    um abraço
    oa.s

    ResponderExcluir
  20. Cissa, um dos meus maiores desejos de consumo é conhecer Porto Alegre, gosto do sutaque de vcs, da capital, da cultura, até do frio, que não sou acostumado, e espero um dia visitar tua terra, e consequentemente conhecê-la pessoalmente. Ótimas fotos e paisagens.

    Abração pra ti.

    ResponderExcluir
  21. Estive em Porto Alegre tão rapidamente que não tive oportunidade de conhecê-la como gostaria.
    Mas você trouxe um pouco dela para mim.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  22. Oi Amiga
    Obrigada pela doce presença e pelo seu apoio.
    Que lindo post. As lindas imagens fez me recordar lugares por onde passei e vivi.
    Me desculpa pela demora, prometo vir sempre que poder, pois gosto muito deste seu aconchego.
    Temha um lindo final de semana.
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  23. Lindíssimas imagens!
    Beijinho e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  24. Cissa \o/
    Nosferatu é incomparável...foi o percurssor de todos os outros e até hoje choca..Entrevista ép erfeito na minha opinião apesar de umas ou outra falha. Certamente esse lance de ritmo que você sentiu falta advém do fato do livro..o livro é muito mais denso, demorado... filme passa corrido e quando Lestat sai de cena nem o Armand cosegue sustentar o filme como antes e Louis sempre me foi um personagem chato. Mas eu adoro o Teatro ods Vampiros! Uma pena que Rainha dos Condenados foi uma adaptação terrível..porque o livro é fenomenal. Na real, em Rainha dos Condenados o diretor juntou 2 livros da saga: Vampiro Lestat e Rainha, que estão fortemente ligados um com o outro..e ambos são histórias bem longas.

    Agora, procure ver o Deixa Ela Entrar...aquele filme é perfeito! Mas não veja o remake. procure o original sueco!

    AHSAHASH eu vou falar para minha mãe que você gostaria de vê-la em um post do blog..mas não sei se ela topa, não curte muito esses lances de computador ahahshahsa.

    bjs
    http://www.empadinhafrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Cissa, fotos lindas de uma cidade que quero conhecer! Aqui em Recife também tem uma "rua da praia", com certeza devem ser muito diferentes! haha

    (:

    ResponderExcluir
  26. Faz muito tempo que estive em Gramado, o sul é maravilhoso, adoooooro! Ao contrário de ti, não gosto da cidade onde nasci, que por sinal é onde moro, Ainda me mudarei, com certeza, agora, quanto ao estado, acho que tens razão, amo meu estado de SP, quero mudar de cidade, mas de estado não. Depois do meu, o sul é o mais querido pra mim. Beijossss

    ResponderExcluir
  27. Cissa, adoro Porto Alegre pela cidade bonita que é, pela consciência política de vocês e em geral do povo gaúcho. Tenho um filho que mora em Porto Alegre, então posso dizer que uma parte do meu coração também mora. Suas fotos despertam-me o desejo de voltar a rever a cidade sem demora.
    Um abraço e feliz retorno.

    ResponderExcluir
  28. Cissa,

    Já ouvi seu recadinho rs deixei comentários lá.

    Não consegui visualizar seu email rs onde ele está?

    Beijo!

    ResponderExcluir
  29. Conheci Porto Alegre em 1984, de passagem. Fui a Gramado e Canela. Hoje deve estar bem diferente, mas é um lugar que me senti muito bem.
    Bom final de semana.

    ResponderExcluir
  30. Quem não conhece Porto Alegre ficou conhecendo um pouquinho sobre ela através de suas explanações Gaúchas. Realmente o Gaúcho é um povo que tem um diferencial a ser destacado, principalmente na educação e na sua cultura. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
  31. Obrigado por ser nossa Ariadne e nos fornecer o fio para transportar-nos pelo labirinto de sua saudade/cidade natal. Esse é um grande corpo sim, como disse o poeta, mas redesenhado pela câmera de nossa anatomista, Cissa. A Porto Alegre das lembranças da Cissa... Adorei!!!!

    ResponderExcluir
  32. Cecília...

    Obrigada por nos apresentar a sua linda Porto Alegre..e ainda nos brindar com este lindo poema de Quintana!!

    Um beijo..com saudades!!

    MA

    ResponderExcluir
  33. Cissa querida,
    Tua descrição de Porto alegre é perfeita. É uma cidade linda. Eu sou suspeita para falar, pois moro nela. E, como tu, adoro nosso grande e saudoso Mário Quintana. Linda postagem. Amei.
    Gostaria que me visitasse e, se gostar, seguir-me e deixar um comentário em minha postagem. Já estou a te seguir e voltarei sempre que puder.
    Um ótimo domingo e um beijão para você.
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  34. Querida amiga
    Obrigada pelo seu apoio. Pois como eu sempre digo.
    Com a sua presença,
    Eu posso ir sempre mais além,
    mas com sua ausência,
    eu não serei ninguém.
    Tem um selinho para você no meu cantinho
    Que eu fiz com muito carinho.
    Pode ir lá pegar se desejar.
    Abraço muito Amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  35. Oi, Cissa, falar de Porto Alegre é exaltar a alma gaúcha! Dizem por aí que a gauchada tem o sangue do RS que leva para onde vai. Não tenho dúvidas disso.

    A rua Gonçalo de Carvalho não está mais assim, está completamente fechada, mais linda do que nunca, passei por ela na semana passada.

    Que linda esta postagem mostrando nossa arquitetura, tudo tão nosso, tão famiiar.

    E sobre nosso poeta... Concordo contigo, e este seu poema é um dos mais lindo, saiu lá do fundo de sua alma.

    Grande beijo, gaúcha!
    Tais luso

    ResponderExcluir
  36. Cissa, deu vontade de passar aqui de novo e te dar um oi!

    ResponderExcluir
  37. Obrigada a todos pelo carinho, a leitura e os comentários!

    TAÍS, a foto da Gonçalo Carvalho fiz no sábado dia 8 de julho, bem atual. No entanto, peguei da parte mais aberta.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  38. Nossa capital é mais linda do que o sotaque irlandês da Dolores O'Riordan, vocalista do The Cranberries, Ana.
    Pois é, eu não tenho Face e nem face, já que não tenho foto...
    Vou dar um jeito nisso...
    Meu comentário no teu texto sobre os doces finalmente apareceu lá no Diário e meu irmão me contou que meu outro comentário sobre o teu texto dos hackers foi publicado no Diário de domingo...
    Deve ter sido um dia fraco de notícias...
    Abração.

    ResponderExcluir
  39. Oi, Cissa, dei um zoom na foto da rua Gonçalo de Carvalho e vi que mais à frente ela se fecha, como falei... linda! Comentei aqui em casa, se esta rua ficasse numa rota turística seria vista como algo fenomenal! E nós temos de descobrir...

    Beijos, amiga.
    Tais Luso

    ResponderExcluir
  40. Confesso que no meio do caminho já perdi um pouco o patriotismo... mas vai ver é só pra esquecer que estou distante, que faz 3 anos e meio que nao vou e que tô com saudades mil. Defesas brincando no fio de Ariadne... rs
    Nao conheço POA, mas meu vínculo, como te disse, é amigo, é forte, é de infância...
    Quintana, poeta maior mesmo. E a sua dedicação em fazer esse post, trazendo tantas fotos bonitas e informacoes só me fez crer que gaúcho é gente boa mesmo, viu ;)

    ResponderExcluir
  41. Já dizia Gilberto Gil: "O Rio de Janeiro continua lindo..."; mas, cá entre nós, Porto Alegre não deixa nada a desejar, não é? Cantinho maravilhoso esse teu!

    Tenho um carinho enorme por essa cidade, pelo frio maravilhoso que vocês curtem todo ano e, costumo afirmar que meu lado esquerdo é gaúcho! Até do sotaque daí eu carrego um pouquinho.

    Amei as imagens. Deu uma saudade grande de tempos atrás.

    Até, Cissa!

    ResponderExcluir
  42. Sou de Porto Alegre, mas moro em Pelotas desde muito tempo, apesar de parte da família estar na capital e de viajar muito até nossa querida Porto dos Casais.
    Mesmo assim, também adoro Pelotas, visto que minha vida está aqui. Na prática, a cidade da gente é aquela que a gente vive e aprendeu a gostar -elos amigos e lugares. É que nem os tempos antigos para os mais velhos, muitos vezes são bons porque estão na memória da juventude. Igualmente, adoro POA.

    ResponderExcluir
  43. querida amiga,
    infinitos são os encantos de porto alegre, e tu atreveste-te a concretizar alguns. a vontade de viajar é sempre grande, mas quando se toca, o desejo queima. acabaste de colorir uma tela que, no meu imaginário, ainda se desenhava a preto e branco. e esqueceste-te de uma folha de ouro a delimitar o rebordo mais fino: tu. portalegre é tudo quanto [d]escreves e muito mais: tu, também.
    um beijo com saudades!

    ResponderExcluir
  44. De volta a terrinha, Cissa! Ah, que é tão bom quando se tem amor por nossa terra natal. Porto Alegre é um convite - tem aparência de uma terra meiga, com esses moinhos e aposto que há um 'mar de tulipas esfuziantes.' Eu sempre achei (e ainda acho) que aí é o lugar das ovelhas nuvens... Tão fofas! Mário... Poeta, poeta preferido - amo! BEM-VINDA!

    T.S. Frank
    www.cafequenteesherlock.blogspot.com

    ResponderExcluir
  45. Oi Cissa,

    Acho que muitas vezes as pessoas confundem orgulho pela sua terra e bairrismo. Bairrismo é orgulhar-se tanto de um lugar, a ponto de não ver nele nenhum problema ou defeito. Acho que não é esse seu caso. Vc tem orgulho de sua cidade, coisa completamente normal! Eu também tenho orgulho da minha cidade, Santa Cruz. Achei muito bonita a homenagem, ainda mais com um poema do Quintana (que eu adoro).

    Vi o comentário do Andre sobre o hino. Acredito que deveria ser uma coisa normal, porque se o campeonato é estadual, os estados deveriam tocar seus hinos... Mas enfim, cada um tem uma opinião.

    Bjos da comentarista atrasada!

    ResponderExcluir
  46. Boa tarde:

    Bonito o blog...
    O descobri por uma imagem do PARCÃO_bem bonita!
    Resido perto; aliás - o bairro MOIONHOS DE VENTO é encantador_como a cidade em si.
    Sobre o tal hospital: uma pessoa da minha familia nasceu lá, e faço exames/outros neste. Além de uma agência bancária onde tenho conta se situar neste (nem precisa deixar objetos para entrar...risos!).
    Também estudei na FAMECOS: curso de TURISMO, e imagino que tal esteja em outros prédio (estava se mudando quando me graduei_1999).
    Residi muito tempo no RIO DE JANEIRO; e vindo para cá - acho tudo mais perto (embora com problemas de cidade grande). Inclusive amigos/parentes meus que lá moram: sempre arranjam uma maneira de vir para cá (interior/litoral/SERRA GAÚCHA/outras)... Difícil alguém conhecer tudo!
    Estudastes ARQUITETURA na UFRGS, também pensei em cursar tal carreira: conheci pessoas qeu lá estudaram e que TENTARAM INGRESSAR. ARTES PLÁSTICAS parecem ser legal.

    Até,
    Rodrigo Rosa


    ResponderExcluir
  47. Querida amiga Cissa.
    E Mario Quintana tinha razão . E Você ainda mais para desenhar Porto Alegre linda e mais alegre ainda. Todos temos um vínculo com a cidade que nascemos, seja ela pequena ou imensa como a sua cidade natal.
    Amei conhecer através de você.
    bjs.

    ResponderExcluir